Então e porquê Crónicas da Barriga? Porque era o nome do blog que queria ter escrito durante a gravidez. Ainda vou a tempo? Não, a miúda tinha quase 4 meses quando o blog começou. E então? Então, nada!
16.3.09

Nos últimos dias, ouviu-se uma imensidão de notícias horríveis relativas a bebés e crianças.

 

É uma frase feita,  mas é verdade: a partir do momento em que se é pai, as tragédias com crianças deixam-nos fisicamente mal dispostos, com vontade fechar o jornal ou desligar a televisão e com as lágrimas a assomar aos olhos.

 

É qua além do horror que qualquer pessoa "normal" partilha quando ouve falar do sofrimento de uma criança, é inevitável pensar "E se fosse com os meus?".

 

Entre as coisas que controlamos e as que escapam totalmente ao nosso alcance, há tantas variáveis que podem conjugar-se e virar a nossa vida ao contrário, que só nos resta mesmo agarrarmo-nos a eles (mesmo que eles esperneiem) e viver todos os momentos sem medo, sem recriminações e com muita pica.

 

 

Por R, às 16:59  comentar

Sobre a M.
Nascida a 4 de Julho de 2008, com 3,880 kg, 50 cm e as maiores bochechas do mundo.
Sobre o P.
Chegou a 24 de Setembro de 2010, com 3,380 kg, 48 cm e os olhos mais doces do mundo.
RSS
blogs SAPO